Home Capa

Capa

Por que não devemos usar os fogos em Angola para esquecer o dilema da Amazónia

No dia 23 de Agosto de 2019, fiquei chocado com o relatório da Bloomberg, sugerindo que “havia mais fogos em Angol e no Congo do que na Amazônia”. O seu primeiro parágrafo estava cheio de bombardeios, uma linguagem claramente tendenciosa com a intenção de subestimar a situação da Amazónia, comparando-a com o que aconteceu em Angola ao mesmo tempo: “Os incêndios na Amazónia aqueceram as políticas ambientais do presidente Jair Bolsonaro, mas Brasil é, na verdade, o terceiro no mundo em incêndios florestais nas últimas 48 horas”.

Bela Gil: agroecologia, alimentação saudável e segurança alimentar

Bela Gil ganhou relevância social no Brasil ao falar, de forma simples, sobre um assunto até então negligenciado pela maioria: a alimentação consciente e saudável.

Segurança Alimentar: FIDA, FAO, Banco Mundial e BAD reforçam compromisso

Um comunicado conjunto, assinado por líderes de quatro agências multilaterais, busca fortalecer os esforços para melhor apoiar os países a alcançar...

Experiência brasileira ajuda na preservação de patrimônios africanos

Conseguir transformar um local em um patrimônio da humanidade é um dos grandes prestígios que um país pode ter. Entretanto, quando...

Humberto Silva, o homem que quer acabar com a hepatite

Humberto Coelho Neto e Silva, 53, é um homem entusiasmado e cheio de energia. Fundador da Associação Brasileira de Portadores da...

África deve crescer com a AfCFTA, diz presidente do IBRAF

O acordo para a criação da Zona de Livre Comércio Continental Africana (AfCFTA, na sigla em inglês) potencializa ainda mais o...

55º Festival de Cartago movimenta a Tunísia

Começa nesta quinta-feira (11) na Tunísia a 55ª edição do Festival Internacional de Cartago (FIC). A programação do evento, que vai...

Tamer Mansour e a necessidade por ampliação de negócios com países árabes

Há 20 anos no Brasil, o egípcio Tamer Mansour tem se dedicado a levar a conhecimento para empresários brasileiros sobre as...