Egito lidera importação de milho brasileiro em agosto

Os egípcios foram os maiores importadores do milho brasileiro no mês de agosto. A exportação brasileira de milho cresceu quase 200% em agosto. Dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) mostram que o Brasil faturou US$ 1,3 bilhão com exportação de milho em agosto, com avanço de 181% sobre igual mês de 2018.

O Brasil vendeu para o mercado egípcio US$ 40,5 milhões em milho em agosto de 2018, frente a US$ 158,4 milhões no mês passado. O avanço foi um pouco maior do que o crescimento geral: 291%. O país, que figurou no topo do ranking de importadores, é seguido por Irã (US$ 157 milhões), Japão (US$ 143,5 milhões), Espanha (US$ 141,8 milhões), e Vietnã (com US$ 112,6 milhões).

A lista dos dez maiores compradores segue com Coreia do Sul, Taiwan, Colômbia, Malásia e México.

Novo recorde

No ano passado o Brasil teve quebra na safra de milho. A produção ficou em 80,7 milhões de toneladas na colheita 2017/2018, segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), com queda de 17,5% sobre a colheita anterior. Já na safra 2018/2019 devem ser produzidas 99,3 milhões de toneladas de milho, com aumento de 23% sobre o período anterior.

With information from the Brazil-Arab News Agency (ANBA)

Chico Carneiro, entre Amazônia e Moçambique, tudo vira filme

O cineasta brasileiro Chico Carneiro saiu do Brasil, mais precisamente da região amazônica, atravessou o oceano e foi parar em Moçambique, não apenas fazendo filmes, mas vivendo cinema.

Fórum Brasil África reunirá autoridades do governo brasileiro e de países africanos

O vice presidente brasileiro Hamilton Mourão, assim como diversas autoridades de governos africanos estarão presentes no Fórum Brasil África 2019. O fórum acontece nos dias 12 e 13 de novembro em São Paulo, e vai reunir também representantes do setor privado e da academia além de potenciais investidores. Em sua sétima edição, o tema do evento será “Segurança alimentar: caminho para o crescimento econômico”.

Brasil coopera com o Zimbábue para desenvolver cultura do algodão

O Brasil ocupa lugares de destaque tanto na produção como na exportação de algodão, atraindo diversos parceiros interessados em fortalecer o setor algodoeiro. O mais recente país a buscar o apoio do Brasil é o Zimbábue. Foi assinado um acordo entre os dois países para garantir capacitação e também a transferência de tecnologias brasileiras em algodão para o país africano.

Ipea discute oportunidade de negócios entre Brasil e África

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) estará presente no Fórum Brasil África 2019 promovendo uma discussão sobre o potencial de negócios entre Brasil e os países africanos. Em um side event chamado “Desafios para o aprofundamento da cooperação entre o Brasil e os países africanos”, o instituto promoverá um debate com autoridades e representantes do setor econômico.

O futuro das relações entre Brasil e África é promissor, segundo Hamilton Mourão

"As relações com a África são e serão prioritárias para o Brasil e o para os brasileiros", declarou o vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, durante a cerimônia de abertura do Fórum Brasil África 2019.