Winnie Byanyima é a nova diretora executiva do UNAIDS

O UNAIDS anunciou esta semana o nome de Winnie Byanyima como sua nova diretora executiva. Ela traz para o cargo mais de 30 anos de experiência em liderança política, diplomacia e engajamento humanitário.

“Estou empolgada para me juntar ao UNAIDS e ansiosa para trabalhar com todos os nossos parceiros para ajudar a direcionar o avanço na resposta ao HIV e construir sociedades mais justas, saudáveis e felizes, principalmente para mulheres e meninas, populações-chave e todas as pessoas excluídas e deixadas para trás”, disse Byanyima.

Winnie Byanyima
Winnie Byanyima

Natural de Uganda, Byanyima ocupou recentemente o cargo de diretora executiva da Oxfam International, depois de ter atuado por sete anos como diretora de Gênero e Desenvolvimento no Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Byanyima possui graduação avançada em Engenharia Mecânica (Conservação de Energia e Meio Ambiente) pelo Cranfield Institute of Technology e graduação em Engenharia Aeronáutica pela Universidade de Manchester.

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, nomeou Byanyima como diretora executiva do UNAIDS e subsecretária-geral das Nações Unidas em agosto, após um processo de seleção abrangente.

Chico Carneiro, entre Amazônia e Moçambique, tudo vira filme

O cineasta brasileiro Chico Carneiro saiu do Brasil, mais precisamente da região amazônica, atravessou o oceano e foi parar em Moçambique, não apenas fazendo filmes, mas vivendo cinema.

Fórum Brasil África reunirá autoridades do governo brasileiro e de países africanos

O vice presidente brasileiro Hamilton Mourão, assim como diversas autoridades de governos africanos estarão presentes no Fórum Brasil África 2019. O fórum acontece nos dias 12 e 13 de novembro em São Paulo, e vai reunir também representantes do setor privado e da academia além de potenciais investidores. Em sua sétima edição, o tema do evento será “Segurança alimentar: caminho para o crescimento econômico”.

Brasil coopera com o Zimbábue para desenvolver cultura do algodão

O Brasil ocupa lugares de destaque tanto na produção como na exportação de algodão, atraindo diversos parceiros interessados em fortalecer o setor algodoeiro. O mais recente país a buscar o apoio do Brasil é o Zimbábue. Foi assinado um acordo entre os dois países para garantir capacitação e também a transferência de tecnologias brasileiras em algodão para o país africano.

Ipea discute oportunidade de negócios entre Brasil e África

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) estará presente no Fórum Brasil África 2019 promovendo uma discussão sobre o potencial de negócios entre Brasil e os países africanos. Em um side event chamado “Desafios para o aprofundamento da cooperação entre o Brasil e os países africanos”, o instituto promoverá um debate com autoridades e representantes do setor econômico.

O futuro das relações entre Brasil e África é promissor, segundo Hamilton Mourão

"As relações com a África são e serão prioritárias para o Brasil e o para os brasileiros", declarou o vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, durante a cerimônia de abertura do Fórum Brasil África 2019.